O Afresco de Brecheret

Atibaia é conhecida por ser uma cidade com forte apelo turístico, e não é de hoje. Nos tempos da fase áurea do café, das estradas rurais, muitas famílias passavam suas férias nas fazendas de amigos que ali habitavam. E esse é o caso de um imigrante italiano que foi personagem importante na arte brasileira, e que antecipou o modernismo e a efervescente Semana de 22. Seu nome: Victor Brecheret.

Amigo de algumas famílias que possuíam fazendas na cidade, Brecheret passava as férias de julho nessas propriedades rurais. Em uma entrevista para um veículo de mídia atibaiano, o filho do escultor, Victor Brecheret Filho, relembrou as temporadas de infância passadas na Fazenda e apontou que o pai pretendia adquirir um sítio nas proximidades, fato que acabou não ocorrendo devido sua morte, em 1955.

Entretanto, em uma das estadias, o artista foi convidado a dar sua colaboração artística para uma capela que seria erguida pela família que o acolhera. O clima bucólico, a lavoura de café, os animais e a simplicidade do povo do campo, foram matéria-prima para o artista entrar em ação. Responsável pelo projeto e decoração da Capela, o escultor reuniu em um afresco a religião e os elementos rurais supracitados, dando sua assinatura modernista para um cenário tipicamente franciscano. Neste momento, a Capela da Fazenda Pararanga entraria para história da arte moderna brasileira.

A história poderia se encerrar neste ponto, mas a família queria que a capela recebesse atos religiosos, inclusive na tentativa de transformar a capela em igreja. Para isso, seria preciso realizar uma missa no local. Moderno demais para o contexto sacro da época, o afresco de Brecheret foi coberto com panos para que as missas ocorressem.

As esculturas de Brecheret integram acervos de vários museus, como o de Arte de São Paulo (MASP) e a Pinacoteca do Estado, além de ter o Monumento às Bandeiras, vista por cada pessoa que trafega pelas vias entorno do Parque do Ibirapuera. Mas, somente em Atibaia reside em berço sacro um afresco de Brecheret.
_

Fonte e foto: Atibaiamania.com
Texto: Giuliano Martins

Posts Relacionados

Comentários